Atendimento Presencial
Seg a Sex das 08h às 18h
  Sáb das 8h às 13h

Atendimento online
Agende sua teleconsulta
Clique aqui

Cirurgia de Lesão menisco no joelho

Quando o menisco, que funciona como um amortecedor, evitando atritos, sofre uma lesão, ele precisa ser tratado, tendo até que ser através de cirurgia.

É comum o desgaste dos meniscos durante alguns estágios da vida. Inclusive, esse é um dos fatores que leva ao desenvolvimento de lesões do menisco: o desgaste pela idade do indivíduo.

Em outros casos, essa lesão natural pode ocorrer devido principalmente a grandes torções ou impactos, como uma pancada direta sobre o joelho. Geralmente isso ocorre durante a prática incorreta de atividades físicas. 

Até mesmo situações comuns do dia a dia podem aumentar a predisposição a lesões e causar problemas, como fazer agachamentos muito baixos, com excessiva flexão de joelho. 

O principal sintoma da lesão do menisco é a dor. Ela aparece durante os mais simples movimentos como o caminhar ou ao subir e descer escadas. Também não podemos deixar de citar o inchaço, que acontece quando há um acúmulo de líquido sinovial, sangue ou pus nessa área. 

O diagnóstico da lesão no menisco é feito através da queixa clínica do paciente e de um exame físico detalhado, baseado em um conjunto de testes e manobras específicas. 

As suspeitas clínicas são confirmadas por imagens da articulação do joelho e normalmente são solicitados exames complementares, como ressonância nuclear magnética (RNM).

Tratamento da lesão menisco no joelho

O tratamento da lesão do menisco no joelho pode ser conservador, quando há pequenas rupturas, ou cirúrgico. 

A cirurgia de menisco frequentemente é um procedimento rápido, que dura em torno de 30 minutos, mas pode variar de acordo com a gravidade e tamanho da lesão .

No caso de  algumas lesões em especial, a cirurgia pode ser um pouco mais delicada, sendo necessário costurar parte do menisco. Sendo assim, o médico pode finalizar a cirurgia de menisco imobilizando a perna do paciente com uma tala e solicitando que o paciente utilize muletas.

Essa imobilização será fundamental para a cicatrização correta da ferida e deve ser mantida exatamente pelo período indicado pelo ortopedista especialista em joelho.

Artigo escrito pelo Dr. Teodoro Rodrigues da Cunha Neto

CHAT
ONLINE